quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Dahon Speed 8 em pauta... em um teste verdadeiro!

Dahon Speed 8 www.dahon.com
          Setembro de 2015... lá estava eu e o amigo Marcelo Meier na Interbike! Fazíamos o papel de imprensa... Marcelo, além de biker, é um tradutor indispensável nas tratativas internacionais, não apenas fluente e professor, mas bom entendedor da cultura e hábitos dos americanos. Quando vi o expositor com as dobráveis da Dahon pensei na hora que era o que eu procurava para um teste urbano de 12 meses. O projeto é um teste prolongado que permite avaliação criteriosa... a ideia não é fazer publicidade, mas fazer uma avaliação de alguns modelos para que com base nesta oportunidade, o consumidor possa avaliar sua compra com consciência. Saí de Las Vegas com uma bicicleta embaixo do braço... cheio de ideias e perspectivas. O leitor assíduo do blog "bikes do andarilho" sabe de minha predileção por bicicletas de construção com aço e aço ao Cr-Mo, pelas propriedades específicas. Aliás, o aço esta ganhando muita força no exterior e já corresponde mais da metade das bicicletas de baixo e médio valor no mercado.
Este é um modelo muito interessante... inclusive, a Dahon lançou um desafio para quem quisesse enviar um video mostrando a rápida "desmontagem" da bicicleta. Muitas pessoas enviaram videos próprios mostrando esta agilidade. Na feira Interbike 2015, havia inclusive o espaço com o desafio para experimentar... o prêmio do desafio era bem interessante, uma bicicleta no 999 dólares.
Esta Dahon é um dos modelos atuais extremamente evoluídos durante anos de desenvolvimento, e sua praticidade é o alvo. Não vejo muita importância em desmontar uma bicicleta em menos de 10 segundo, mas eu já consegui fazer isto várias vezes. Em uma das tentativas este tempo ficou abaixo de 8 segundos. 
Quando o mundo se voltou para as novas grandes rodas... pensando no lançamento da 29" e posteriormente na 27,5", me perguntei muitas vezes sobre a praticidade disto. Uma bicicleta de rodas 20, principalmente dobrável, cabe em portamalas de muitos automóveis no caso de transportar. Até mesmo a 26" entra no portamalas do antigo uno (mille fire), faço isto com frequência. As tendências nem sempre são práticas, no que diz respeito à alguma logística de viagem que necessite translado utilizando automóveis comuns é inegável que dobráveis ou mtbs 26" dão um baile em rodas grandes. Chegam aos mesmos lugares, com tempo maior talvez, mas chegam. E se fosse assim, então todas as bicicletas seriam fatbikes, pq ao meu ver são as mais aptas para passar em terrenos difíceis. Voltemos ao assunto... estamos preparando um grande material sobre esta dobrável incrível, não perca. 
Ao meu amigo Marcelo, meu obrigado pela parceria. Este ano não vou estar contigo na Interbike, mas no próximo com certeza. Um abraço...