domingo, 1 de maio de 2016

Audax 400 km da Sociedade Audax de Ciclismo... dos Cataventos!







Fotos: Roberto Furtado / Sociedade Audax de Ciclismo
           No sábado, pela manhã, fui produzir algumas imagens deste evento que reunira cerca de 100 ciclistas para enfrentar os 400 km de madrugada fria. A temperatura caiu abruptamente aqui no RS desde a chegada de um frente fria. Estávamos acostumados com um semi verão em abril, quando a temperatura de uma noite para outra saiu de 20 para 6 graus. Antes da frente fria, tivemos noites com 22-24 graus Celsius. Talvez 5-10 graus não sejam tão ruins, mas o que representa um problema é a diferença de temperatura. Não pude acompanhar os ciclistas como faço muitas vezes. Infelizmente, em algumas oportunidades tenho trabalhos em mesmo horário que das provas... é difícil este desdobramento da presença. Como muitos sabem, já larguei a Federação Gaúcha de Ciclismo por este motivo. Agora estou tentando reorganizar o tempo para ficar presente nas demais ações da bike. Fiquei pela manhã com o pessoal até que pegaram os primeiros quilômetros na rodovia do parque... depois fui pra Lajeado. Neste domingo pela manhã acordei cedo e fui me encontrar com os primeiros que chegavam em Porto Alegre... outra vez na BR-448 (rodovia do parque). Os primeiros passaram por mim ainda nem dia era... nem deu pra produzir material. Logo que saiu o sol já foram aparecendo os seguintes... e por ali fiquei e cliquei vários ciclistas. Cheguei a ir para BR-116, mas é uma via totalmente inadequada para fotografia de ciclismo. Vi os rostos e a superação de muitos... a gente via o cansaço batendo na face da galera. Aquilo é coisa de valente mesmo... e não entenda que é coisa de homem, porque tínhamos várias representantes femininas no pelotão. Elas são corajosas... evidente que mais fortes que muitos homens. Nunca fiz um audax 400 km, mas tenho certeza de que não consigo fazer uma prova desta natureza. É uma prova de dentes serrados, fé e muita força. Tenha pernas... tenha fé... tenha muito mais que equilíbrio pra superar a si mesmo! Mais um gigante caiu... para muitos, isto é apenas o começo!