sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Muito trabalho e pouca bicicleta...

Junto do Parque Eólico de Osório, em alguma andança, 2015.
Muito trabalho e quase nenhum tempo para falar em bicicleta... muito trabalho apareceu neste final de ano. Quase todos os trabalhos foram como substituto ou segundo fotógrafo de colegas. Apenas alguns dos trabalhos foram com bicicleta, os que vieram de colegas, bem estes não trabalham com bike... então não foram neste mercado. Fiquei muitos dias sem postar nada legal por aqui, mas eu vejo as estatísticas e vi que a visitação foi grande, embora nada novo houvesse por aqui. Peço desculpas... O pouco que coloquei, certamente divertiu, mas não satisfez o leitor do Bikes do Andarilho, pois todos que passam aqui são acostumados com muita dinâmica. Espero que ninguém pense que isto é uma pausa ou abandono... realmente, corri muito, caminhei horrores, gastei a sola dos pés, os pneus do carro, e até pautas de bike fiz por Porto Alegre. Acho que usando a bike me sinto quase perdoado por estar ausente com a bicicleta... e o que posso dizer é que o meu trabalho esta fazendo sentido para muitos, pois de outra forma não seria tão requisitado. Sou um andarilho... espero que ninguém fique preocupado, menos ainda pensando algo sobre o bloguito. Aliás, estamos na estrada de número 8... sim, somos ano 8! Esqueci de colocar aqui a postagem de aniversário, mas acho que agora só quando fizermos 10 anos de estrada, até para não ficar chato com este lance de idade. Ano que vem me vou aos 40 anos de estrada de vida, aprendi muito com vcs. Saiba que existe uma relação de blogueiro e leitor, mesmo que sem resposta... são visitações, indicações e outros sinais que entendemos como uma resposta, sinal de fumaça é para nós, índios andarilhos! Nos vemos... tentarei acelerar novamente o passo, em busca do tempo perdido. Bj pra todos os amigos e amigas, e roda pra frente.