segunda-feira, 23 de junho de 2014

Relatório de exposição e atuação Bikes do Andarilho


Bom dia! 
De tempos em tempos realizo algum demonstrativo para os leitores. Isto serve têm finalidades distintas... sendo uma delas de importância comercial, outras para efeitos de sanar a curiosidade de leitores e apoiadores. No final do ano passado e início deste ano, o Bikes do Andarilho comemorou 500.000 acessos. Os números não aumentaram, definitivamente, apenas se mantiveram. Atribui-se a isto a preferência de uma parte do público pelas redes sociais. Pensando nisto, no ano passado nós montamos a página do Bikes do Andarilho no Facebook, bem como do Diário do Andarilho. 
Os assuntos mais lidos neste espaço foram relacionados por semelhança e relação de dependência. Podemos destacar e demonstrar da seguinte maneira, apontamos na seguinte ordem de visualização (maior para menor):

1) reconstrução + assuntos técnicos do material old school = 28%
2) cicloturismo, passeios, viagens e provas tipo Audax = 20%
3) apresentação comentada de bicicletas do mercado = 19%
4)  questões sociais + mobilidade urbana= 15%
5) eventos incomuns (DHU, bricks, diferenciados, etc) = 9%
6) competições de DH, XC, XCM = 6%
7) demais competições da bicicleta = 3%

*visitação mensal média de Bikes do Andarilho.com = 16.8 mil
*visitação mensal média de Face Bikes do Andarilho = 19.1 mil

Não foi muito fácil escolher ou classificar as áreas de interesse do leitor, pois haveria muito mais categorias se fossemos abordar todos os assuntos como únicos. No entanto, foi possível agrupar "áreas" por relação e proximidade, tal como competições de mtb, onde mesmo que sejam completamente diferentes o DH e o XC, ainda se tratam de um "mesmo" berço e semelhante público. Acredita-se que o sucesso deste canal esteja na diversidade de assuntos, onde assuntos de conhecimento muito específico sejam abordados aqui, tal como assuntos da tecnologia e propriedade dos materiais. Estes assuntos tornaram-se muito procurados e lidos aqui no Bikes do Andarilho, possivelmente pela carência destes assuntos no mercado. Não queremos que o leitor de um grupo específico sinta menor importância em um assunto ou outro devido as estatísticas deste blog. Se faz o melhor possível para divulgar tudo sobre bicicleta para reunir o público diferenciado e interessado da bicicleta. Estamos presentes, sempre que possível, em todos os eventos, muitas vezes com ausência total de apoio financeiro.
Nós temos um papel importante no mundo da bicicleta... que é da transparência, da abordagem crítica séria e não tendenciosa. Nós mostramos a verdade, nós fazemos informação de forma divertida, dita informal! Nós fazemos jornalismo específico da bicicleta. Quando falo no plural estou estendendo esta atividade aos colegas e parceiros que construíram esta caminhada, seja divulgando, colaborando, criando espaço para estes momentos de redação e fotografia. Estes parceiros, sem ordem de importância ou prioridade, são responsáveis também por este crescimento. Crescimento de exposição positiva da bicicleta para a sociedade, como veículo ou como meio de entretenimento. 
Agradecimentos as lojas Dudu Bike e Adventure Bike Shop, a Sociedade Audax de Ciclismo, POA Bikers, Revista Bicicleta, Kamikaze Bikes, e aos colegas Carlos W. Horn (Tchaka) e Nícolas Kaprzak.