sexta-feira, 30 de maio de 2014

As ciclovias de Porto Alegre... e o plano cicloviário!

Ciclovia Avenida Ipiranga, 2013. Roberto Furtado.

Ciclovia da Restinga, 2013.

Avenida Icaraí, 2013. Roberto Furtado.

Estas foram algumas imagens de ciclovias de Porto Alegre que ilustraram a matéria que fizemos em 2013. No ano passado algumas ciclovias foram realizadas, algumas até estavam quase tomando um rumo da qualidade, mas neste mês de maio o plano cicloviário sofreu um duro golpe. A câmara de vereadores votou novamente no fundo de recursos do plano, onde parte do valor (apenas 20%), deveria ser direcionado para educação no trânsito e na construção de ciclovias. Na nova votação, 19 vereadores foram contra este fundo, eliminando a obrigatoriedade da prefeitura realizar este retorno a própria sociedade. Reverter o valor de multas para o plano era uma forma inteligente e uma iniciativa que colocava Porto Alegre em um ideal de primeiro mundo. Com o desfecho totalmente desfavorável, retornamos aos tempos antigos, onde não há obrigação do "estado" em tomar medidas de educação. Certa de que a perda foi muito grande para a sociedade, toda comunidade ciclística, que não é pequena, ficou abalada. O que vai ser dos próximos anos? Povo e gestores que não têm virtudes... acabam como? Escravos de suas próprias e impensadas ações... Triste saber que uma capital como Porto Alegre, têm um rumo negativo, em função de questões políticas mal pensadas. É relação cidade - povo em uma situação de risco eminente, onde os interesses próprios de políticos são mais valiosos que a vida. País da copa? Chato isto... para quem quiser saber mais, basta acessar o site da ACPA, com a notícia deste triste resultado. Detalhes inclusive com nomes dos vereadores que derrubaram a lei que obrigava o direcionamento de recursos captados com multas.

Texto e fotos: Roberto Furtado