segunda-feira, 1 de julho de 2013

Como foi a 4ª etapa do campeonato gaúcho de downhill?

Cobertura fotográfica da prova - confira!

Sem nenhum contratempo, a prova da Federação Gaúcha de Ciclismo saiu como planejado. O tempo ajudou fazendo a trégua na chuva. O dia amanheceu fechado de serração, mas acima das nuvens estava o brilho forte do sol em um céu limpo de azul sem igual. Quem se aventurou ao topo da morro Ferrabraz, recebeu de presente um espetáculo da natureza. Com a neblina dissolvida pelo sol, os pássaros, asas-delta e os meninos começaram a voar. Os meninos do downhill no mundo mágico que só acontece naquele momento, despencavam ladeira, cortando o mato através da trilha, espirrando barro em quem se aventurava  aos bordos de pista. O barro se desprendia dos pneus durante os saltos, como aparece na foto acima. Barro que voa é roupa suja na certa, mas nem por isto a alegria foi cortada... O dia era de lama, mas alguns gostaram, outros diziam que nesta época do ano não poderia ser diferente. Cada qual em seu playground, e lá estávamos. Sorte nossa, mais uma vez em meio aos amigos, e ao fim do dia todos de volta a segurança do lar.
Não tivemos acidentes graves na prova, outro grande ponto, pois é downhill! Aqui os meninos viram gente grande, os grandes viram meninos, e todos cuidam dos amigos. Aliás, estar presente entre amigos é o grande valor de um evento de sucesso como este. O menino Fantasma (Bertol) venceu a montanha, deixando o Vento (Zottis) em segundo lugar. O piloto Zottis caiu, na queda, perdeu segundos valiosos. 
É parte do esporte! Como ele mesmo disse, amanhã tem mais... se referindo ao futuro próximo. 
No mês de Julho não teremos nenhuma etapa do CG deDH, pois ocorre no final do mês o brasileiro de downhill, com presença de muitos atletas gaúchos e catarinenses, grandes nomes das pistas e frequentadores deste campeonato. Quem puder ir, comparece... talvez o Bikes do Andarilho esteja lá para registrar este evento.