quarta-feira, 24 de abril de 2013

Testando uma bicicleta dobrável...

Estou testando mais uma bicicleta para a Adventure Bike Shop. A bicicleta em questão é uma Ubike, modelinho mais simples da marca. Tive a oportunidade de pegar modelos mais aprimorados, mas faço avaliação verdadeira do que uso e critico. Sei que a bicicleta é uma opção de menor valor entre as demais deste fabricante, e por isto, certamente será a mais vendida. Estou fazendo o teste partindo dela dobrada. Ou seja, todo dia, monto novamente, e guardo dobrada ao fim do uso. A proposta é esta... ter uma bicicleta dobrável, e manter a mesma pronta para o uso, foge da finalidade. Tenho que simular como se estivesse escondida em casa, atrás de uma porta, etc. Então, dia de sol... (ontem), pega a vermelhinha, monta. Vai pra rua, realiza alguma tarefa simples... é a veracidade do teste. Já tenho muitas considerações para mostrar. Estou apenas aproveitando mais um pouquinho para dar o parecer final. Gostei bastante até o momento. Tem algum detalhe que me incomoda, mas quase toda bicicleta tem. Não dá pra dizer que todo produto atende a minha expectativa, tampouco que todas são próprias para meus interesses. Estou tentando ser imparcial, mas isto é quase impossível. Somos humanos... 
Durante este processo me vieram novas idéias, estou refletindo sobre o uso dela no trânsito. De acordo com a sensação de insegurança no trânsito da capital gaúcha, diria que é mais fácil sentir-se seguro em cima de um trator. Qualquer coisa que o condutor de um veículo automotor puder passar por cima, tira completamente o receio de conduzir o veículo junto destes "obstáculos". Estou começando a ter uma crença sobre ciclistas... primeiro, eles devem andar de armadura. Segundo, deveriam portar uma bazuca, para que o motorista ficasse com medo de provocá-lo. Humor negro a parte... mas o "troço" tá terrível nas vias. Duvída? Então vem experimentar...