quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Globe Roll Rare 8 - Brasil Cycle Fair 2012

Quantas vezes alertei para momentos como este? Talvez esteja eu sendo um chato, ao estilo: "eu avisei!" 
A verdade é que isto é apenas uma demonstração de que tendências possuem um toque flutuante da globalização, onde as informações correm o mundo, e por acaso se tornam moda no plano da bicicleta. A bicicleta deste post, para os aficionados da mobilidade urbana, deve ser a grande escolha. Ela tem aparência de uma fixa, no entanto é montada com um cubo Shimano Alfine de 11 velocidades. O guidão lembra muito bem as bicicletas cargueiras, e pois bem... esta possui um bagageiro dianteiro que não esta instalado na bicicleta da imagem. Não compreendi perfeitamente se a peça é um acessório opcional, ou se apenas deixaram de colocar por uma intenção priorizar a aparência. A correia é de borracha, pé-de-vela específico para este tipo de tração, assim como o peão. Para trocar a correia (não abre), soltam-se os parafusos que ficam logo abaixo da ferradura traseira e assim é possível inserir ou substituir a mesma. O interessante é que o ruido é praticamente nulo, assim descrevem os ciclistas que usam o sistema. Também salientam que a durabilidade é excelente. Outro grande trunfo desta beldade, acessórios escolhidos a dedo, assim como todo processo. A estrutura (frame ou quadro) é construído no mais fino cromoly, escovado após soldagem, e finalmente envernizado. O resultado é este, a cor do aço cr-mo com o brilho de uma espada. 
Não devemos ainda esquecer, que tal bicicleta possui as gancheiras originais, e que desta forma pode receber corrente no lugar da correia, e até mesmo uma pinha fixa. Esta é uma bicicleta que faz o perfeccionista sonhar com a maior das qualidades onde o toque suave da mão procura uma imperfeição, a resposta, é não! Se fosse um automóvel, seria o automóvel perfeito, se fosse uma espada, seria a espada perfeita... Falamos de um projeto para arrancar suspiros, derrubar preconceitos contra o cr-mo devido ao seu peso. Se você achava que tinha visto tudo em bicicleta, a resposta será reticências. 
Você vai ficar de queixo caído sobre o valor da belezura... ela custa ao consumidor, aproximadamente 8 mil reais. Se ela vale? Este que vos escreve diria... "cada centavo!"