quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Catálogo Shimano 2013

Catálogo Shimano 2013 (PT Brasil)
Sair de Porto Alegre e ficar três dias em São Paulo colhendo informações, fotos, aprimorando a mente sobre o mercado e tendências da bicicleta. Isto é uma tarefa que muitos deixariam de fazer, mas digo que para os profissionais do segmento é de extrema importância estar na Brasil Cycle Fair (ou oura grande feira do segmento). Cabe destacar que lá nos deparamos com todas as tendências! É essencial saber como estão as tecnologias! Tecnologia que agora vai ser dissipada no mercado através de comerciantes locais. Não há como deixar de visitar uma feira... mas é possível sim acompanhar blogs e sites, notícias em geral sobre esta evolução dos componentes, design e compreender a linha de pensamento do consumidor. É um processo gradual, que exige atenção, sensibilidade, e o mais importante de tudo, conhecimento sobre o passado. Como ficar informado a respeito? Pesquisar é preciso! Corra atrás da tecnologia empregada nas décadas de 70, 80 e 90. 
Cubos Dínamo
É preciso entender o processo evolutivo, para que desta forma seja natural este entendimento de como as linhas foram sendo alteradas ao longo do tempo. Use e abuse do velho, do vintage, compare com o lançamento! As vezes, perceberás que não é lançamento... assim como a roda 27,5 polegadas, que não passa do antigo 650, talvez uma pequena mudança na medida de um 26 com uma fração mais, um pneu mais robusto e atual, acaba virando um lançamento de algo que já existiu. E a Shimano, parece que finalmente alguém tomou a linha desta grande marca, e faz agora um trabalho de cativar, de envolver o público. Vender o óbvio é fácil demais, e o desafio fica para quem quer assumir um risco. Um risco de fazer crescer ainda mais uma marca, mostrar que um produto de qualidade acaba custando menos a longo prazo. Quando comparado a coisas sem qualidade que estragam a todo instante, um produto de maior valor acaba custando menos. Um cubo de marchas internas, que a sugestão é para 8 anos de durabilidade. Será? O tempo dirá, mas enquanto isto, sigo aqui neste pensamento acrescentando informações, que talvez sejam uteis agora, ou para os próximos 10 anos.