sexta-feira, 4 de maio de 2012

Fixed... fixie, single pra você dar uma babadinha!






Aproveitando o assunto fixie... seguem as fotos de uma fixa que me foi emprestada para este ensaio fotográfico. Realizado lá no Parque Marinha do Brasil, pertinho da pista de skate. Esta fixa é de nascença. Ela já nasceu com este propósito, possuindo então as gancheiras horizontais, o que favorece a regulagem da corrente e o bom alinhamento da roda traseira. O frame deste projeto é de Cr-Mo. A bike tem baixo peso, justificado por pneus finos, ausência de câmbios e trocadores, e logicamente por sua corrente curta. O projeto é bastante atual, segue tendências bem ao estilo fixie (colorida e robusta). Possuidora de vantagens como a tradicional roda de cubo flip flop, que permite a inversão e torna a bike uma single, e já por isto possui freios dianteiro e traseiro. O alinhamento é bom, o conjunto de peças também, sendo portadora de caprichos como manoplas e selim de couro com acabamento diferenciado do tradicional. O preço é bem interessante... pois geralmente as bikes de cromoly, quando aparecem na santa raridade, custam os olhos da cara. E esta fica meio próxima de uma tentativa de fazer uma fixie partindo de uma old school. Penso que não vale a pena... pois a qualidade de uma old school ao estilo caloi 10 ou peugeot 10, não reune atributos suficientes para bater esta. Esta VikingX possui uma qualidade acima destes projetos home made, e além do mais esta prontinha, pintadinha, já tem raios pintados, corrente estilizada, manoplas, banco. Uma regulagem de canote infinitas vezes melhor que as old school que citei acima. A caixa de direção já é aheadset, ou que minimiza os problemas com folga no movimento de direção. Ainda por cima possui um bom sistema de travamento do eixo, simples, mas eficaz. Enfim, é uma bike que passa tranquilamente nos testes dos ciclistas exigentes. Não é um material top, mas a proposta de uma single também não é... é um estilo, um conceito, uma forma de viver e voar no asfalto. Acho que para ficar melhor, bastaria que o propritário colocasse fita antifuro nos pneus. Assim, ganharia no conforto do cotidiano, evitando os furos nos pneus. De geral, muito interessante o projeto!
Agradecimentos a Adventure Bike Shop pelo empréstimo desta unidade de gerar alegria, pois de outra forma não poderia realizar as fotos e a avaliação do projeto. Espero que esta seja a primeira de outros modelos que virão ao mercado brasileiro.

Roberto Furtado