quinta-feira, 24 de maio de 2012

Bolsa de guidão na TREK 930... carrega mais alguma coisa?




A Trek 930 ganhou um importante valor na questão de transporte de carga. Se tratando se materiais leves, a bolsa de guidão é uma excelente opção. Produtos e materiais tais como um casaco, lanches, celular, máquina fotográfica leve, remendos para pneus, e outras utilidades que devem estar a mão, podem ser carregados nesta bolsa que é facilmente desconectada do guidão com o apertar de um botão. Neste modelo, pressionando o botão amarelo para baixo, ocorre a liberação da trava que firma a bolsa no suporte. A fixação do suporte é bastante eficiente, mas o teste nos próximos dias é quem vai garantir a eficiência. A bolsa não é um acessório de baixo valor... o custo pode ser chamado de justo dependendo de alguns pontos de avaliação. Estes pontos a que me refiro são: durabilidade e funcionalidade (praticidade). Se a durabilidade da bolsa for igual a 12 meses, penso que este valor será de aproximadamente 10 reais por mês de uso. Se superior, então ela vai sendo vista como um produto que atende muito bem a proposta do cotidiano. Tenho dúvidas de que o sistema de engate suporte tanto tempo nas mãos de alguém que utiliza a bicicleta regularmente como meio de transporte. 
O volume de carga é bem satisfatório, e segundo Anderson da Rodociclo o distribuidor descreve a capacidade de carga (peso) inferior a 3 kg. Nesta faixa de peso podem ser carregados os itens mais usuais do dia a dia e um casaco para evitar o frio repentino de um final de tarde, a mero exemplo.
Para o cicloturismo existem observações a ser realizadas no caso de uso desta bolsa. Haverá também bagageiro dianteiro na bicicleta? Em caso positivo, onde colocarás faróis e/ou pisca dianteiro? Se fores aplicar bagageiro dianteiro precisarás adaptar o farol na frente do mesmo, ou evitar a bolsa. Alguns dirão que o papel da bolsa será parecido com de alforges dianteiros, e discordo. A bolsa tem um acesso mais rápido, é bem mais prática. A bolsa de guidão tem uma vantagem de permitir o transporte de um sanduiche sem que ele fique amassado... já imaginou carregar um sanduiche no alforge?
Em termos de estrada, todo assunto que chegue a segurança e praticidade é de importância ímpar...
Gostei muito da bolsa, mas fiquei incomodado com a questão do farol. Agora preciso pensar em alternativas. Cogitei a instalação de uma segunda mesa e um pseudo guidão para trocar a bolsa de lugar, mas ainda não tive tempo para um teste prático. O tempo é sempre tão cruel... Quem trabalha muito não tem tempo, quem trabalha menos não tem $$$, e se o cara for fotógrafo, pode não ter as duas coisas. kkkkk Brincadeiras em meio a verdades, para não perder o humor da vida. Roda pra frente...

Roberto Furtado