quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Reconstrução de uma Clássica TREK 800 Antelope - 1ª parte!







 Este vai ser um grande desafio... Uma TREK série Antelope, modelo 800. Este modelo cobicei por muito tempo. Tenho uma apreciação pela série que recebeu nome de Antelope. A geometria destes modelos parece ser muito boa para mim, assim percebi nas poucas que pude experimentar. Na Década de 90, sabe-se lá porque eram mais raras do que as tradicionais single track. Talvez fosse o ano de fabricação, de forma que jamais saberemos. No Brasil não vejo muitas Antelope, mas vemos muitas single track com serial 800, 820, 830, e 850. A bicicleta era completa, na loja onde fora abandonada, não tinha nada que prestasse mais... tudo de meia boa pra pior, exceto pelos cantilever que me parecem estar bons. As rodas passei adiante direto... não tinha como aproveitar! Esta semana consegui um par de rodas usadas, da época, e em bom estado. O amigo Pablo Weiss lembrou que corro atrás destes materiais e perguntou se eu tinha interesse na compra. Fui buscar... Agora sei que possivelmente esta guerreira dos anos 90's receberá aros araya, cubos exage, portanto sistema de 21 velocidades da época. Ainda não decidi muitos dos detalhes importantes, mas aos poucos vou fazendo. Aqui tem muito trabalho! Tenho que refazer aquela solda que aparece perto da gancheira. Esta pretendo fazer para mim, provando a quem duvida que uma bike restaurada tem tanto sabor quanto uma em perfeito estado. Pintura original é algo desejável, mas nos dias de hoje, depois de tanto tempo depois do surgimento das old school, acabam as opções. E neste caso precisamos partir para projetos ousados como este. Espero que este projeto não custe caro demais, pois já investi na compra. As vezes, acaba valendo mais a pena comprar qualquer coisa nova do que um frame antigo... pensamento comum, menos no Bikes do Andarilho! rsrsrsrs
Logo mais coloco mais fotos, faço mais considerações a respeito desta nova empreitada.
Ah, quase me esqueci... a pedido do amigo Fabio Lazzarotto, estou postando fotos com maior dimensão. Como não compromete o espaço disponível do blog, nem o comércio das imagens, então aceitei a sugestão do amigo.

Roberto Furtado