quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Bike Expo Brasil 2011 - Post 9








O preciosismo em bikes cresce com a mídia, com a popularização dos processos de fabricação. Do CNC ao laser, ou métados tradicionais, como estampagem, fusão, etc. A tecnologia cresce nos processos industriais, e com ela vem opções muito mais acessíveis de componentes até mesmo quando fabricados em carbono e/ou outros composites. Um acabamento superficial aos extremistas da beleza para a bike, aqueles que talvez sejam semelhantes aos que costumam dar acabamento em carros com acessórios quase exclusivos. A versatilidade dos públicos, traz vantagens ao mercado, que ao longo do tempo se firma mostrando toda força tecnológica em componentes que parecem pequenas jóias, como estas que acima aparecem. Não é preciso tanta beleza para haver desempenho notável, mas pq não unir os adjetivos, e fazer algo com aparência que agrade o mais exigente dos ciclistas. Seria este um exagerado admirador de tecnologias variadas, com o aliado gosto pela bike? Penso que é difícil ver em carros tanta tecnologia como hoje observamos em bicicletas, ou você costuma ver carros saindo de fábrica com componentes de aluminio anodizado? Em bikes isto é uma realidade, elas são bólidos enfurecidos, capazes de mostrar todo potencial nas mãos dos melhores ciclistas... e a aparência agora anda junto com o desempenho. É possível que o crescente público biker esteja favorecendo este surgimento de novos conceitos de design, e esperamos que continue assim. O segmento ciclístivo cresce muito mais que qualquer outro em tempos de crise, afinal... questões de sustentabilidade, mobilidade urbana, economia, e saúde, agora se misturam, e desta forma provam que o veículo do futuro se chama bicicleta.
A feira é um sucesso tão forte que para 2012 haverá possibilidade de consumidores estarem visitando a feira, o que até agora era impossível! Força, crença e tendências levarão a bicicleta a se popularizar em conceito de veículo, deixará ela de estar a margem de maus olhares, por veículos potentes e ágeis, também dos "tiranossauros urbanos", conhecidos por ônibus.
Acredite... roda pra frente! O sucesso de uma idéia virá da união!

Roberto Furtado