quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Fotografando em pedal...


Outro dia fiz fotos durante o pedal e fiquei meio frustrado... é muito difícil transportar a máquina na bicicleta. Carreguei na mochila, com a mesma nas costas, depois coloquei na cestinha da minha GT verde, e fui testando. Cheguei a fazer uns 25 km desta forma, mas concluí que ou levas uma máquina compacta, e então faz as fotos que uma máquina desta tecnologia é capaz, ou não farás foto alguma. Não tem como transportar uma mochila com 5-10 kg nas costas, e na cestinha, receio que a trepidação possa danificar a máquina, mesmo que esteja bem acomodada. Algumas coisas acabam sendo incompatíveis. Fiquei me imaginando no exercício do cicloturismo munido de digital compacta... chega a ser uma tristeza para mim. A gente evolui em um segmento (no meu caso a fotografia), e depois é obrigado a usar maquineta... rsrsrs. Nada contra, mas se torna frustrante para quem é acostumado a fazer com material melhor. Outra questão que pensei muito... e se eu caisse, ou derrubasse a máquina. Teria um bom prejuízo... Talvez, a melhor opção seja carregar a compacta, e realizar somente as fotos que a compacta é capaz de fazer. A vida não é tão simples como pintam... sobretudo para um ciclista fotógrafo. 

Roberto Furtado