sábado, 25 de junho de 2011

Significado verdadeiro de um Audax...


De vez em quando leio matérias, relatos e comentários sobre o Audax que distoam da verdadeira idéia da prova. Antes de tudo, recomendo a qualquer ciclista (para escrever sobre, deve ser no mínimo ciclista) leia sobre a história do Audax, e descubra quem são as grandes figuras de um Audax. O Audax tem uma particularidade bastante forte, talvez a mais importante de todas características da prova, e tal é a superação pessoal. Quando falamos em superação pessoal estamos a realçar que o vivente que se auto desafia, imagina superar-se em condições pré-estabelecidas. O perfil de um Audax, segundo os moldes da ACP, é valorizar todo e qualquer ciclista presente na prova de forma igual, sem importar se este chegou antes ou depois do outro. Muitos ciclistas fortes profissionais e amadores utilizam as provas para treinar, aproveitando a estrutura da organização local para receber água e alimento, apoio técnico em PCs, e até socorro se necessário. No entanto, sabe-se que estes ciclistas tem um perfil diferente dos verdadeiros Audaxiosos, pois em outros momentos eles cultuam a posição em relação aos demais colegas. Este tipo de ciclista não é o problema, pelo contrário, esta a colaborar com o evento apoiando com sua presença. Todo apoio a uma causa é válido, pois divulga, engrandece, valoriza o espetáculo e sentimento. O mal entendido que tenho percebido ocorrer em muitos locais, sobretudo em relatos e comentários, fica por conta da valorização da ordem de chegada, e tempo. Esta valorização é totalmente despropositada, inadequada, e enganosa em um Audax. Não é este o espírito audaxiano original, tanto que não existe diferenciação em premiação, tampouco citação sobre os melhores tempos. Quem pratica este tipo de comentário ignora por completo a história, a comunidade Audax, e princípios de solidariedade existentes em Audaxiosos. Que fique bem claro que não existe primeiro, segundo ou terceiro lugar em um Audax, existem vencedores dos próprios desafios. Superar-se é desejar ser melhor, acreditar, crescer, tal como devemos ser na vida. Sem competir com irmãos, amigos, etc. Competição possui lugar certo, público certo, finalidade comercial por trás de tudo, não combina com o Audax. Sei que existem colegas que frequentam este blog, e que estão errando como descrevo. Fico até chateado de lembrar, que não é de hoje que prego o verdadeiro sentimento audaxiano. Fico a pensar se não leram as páginas deste blog, ou se ignoram a forma de pensar que aqui exponho. Reflitam a respeito... O que é um Audax?

Roberto Furtado