terça-feira, 9 de novembro de 2010

Reconstrução de mais uma velha GT - 1ª parte!

visão total do frame

pivô de freio quebrado

Detalhamento de pintura em mau estado

Necessita de uma bela limpeza!

Não passa de restos de uma old school!
Para não perder o hábito da reconstrução de uma old school de qualidade, coloco aqui as fotos do "antes" para poder comparar com o depois. Encontrei este quadro em uma bicicletaria, rejeitado pq o pivô de freio estaria quebrado, como aparece em uma das fotos. Fiz uma proposta que foi aceita, então levei este pobre coitadinho para meu estoque pessoal de peças. Na última sexta feira acabei vendendo a GT vermelha, aquela que havia colocado no uso do supermercado, correio e passeios. Um amigo viu a bike e se deslumbrou, perguntou se era possível colocar uma cadeirinha de bebê... coloquei e ele ficou com a bike. A filhota adorou, e ele também. Com os pilas da venda, tenho novamente recursos para investir em mais um projeto de reconstrução. Minha esposa pareceu interessada na bicicleta, mas só acredito na hora em que isto realmente ocorrer. A GT das fotos é de tamanho 15,5" de centro a centro, como eram medidas na época, pequena... pequena, mas não desmerecida de atenção. Afinal de contas, o cordão de solda é perfeito, como pode ser visto na última foto. 
Então nesta terça resolvi levar ela para um jato de areia, depois será pintada de preto brilhante, naturalmente em epóxi. A solução do pivõ já resolvi antes, da mesma forma em que resolvia os pivôs gastos... faço um postiço removível, e fica novo. Ainda não decidi nada com relação a peças, talvez tenha peças novas, talvez usadas em excelentes condições. Não criarei espectativas com relação a isto. O garfo ainda não sei qual usarei, mas será com certeza um garfo de excelente qualidade, de Cr-Mo, é claro! É uma pena que levem tanto tempo para entregar o material da pintura, afinal de contas, fico ansioso esperando, e os amigos que acompanham, também. Espero que por baixo desta velha tinta enrugada esteja um frame esperando por libertação! ;)

Roberto Furtado