quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Projetos que não chegam aqui... faça você mesmo!

Tem algum tempo que escrevo aqui, e que persigo coisas como uma bike ideal. Na vida a gente tenta levar a sério alguma coisa de lazer, além do trabalho. Muitos não se importam, mas vejo outros como eu, que fazem de suas atividades de lazer, quase um trabalho. A dedicação é importante para que os resultados sejam alcançados... penso assim sempre. E no Brasil o estímulo no assunto bicicleta chega ser inexistente, e a teimosia faz parte daqueles que acreditam naquilo que realmente gostam. No meu caso, a bicicleta tem esta importância. É muito difícil manter-me superficialmente, e nem gostaria de saber quanto mais investiria tempo e dinheiro se tivesse verbas para acrescentar nos meus sonhos e projetos. Talvez fabricasse da maneira que acredito, talvez não... somente o momento diria. Na caminhada de tantas coisas relacionadas a bicicleta, que sempre me levam ao "faça você mesmo", acabo determinando e convencendo de que fazer por conta é preciso. Nos garimpos virtuais da rede, a gente se deslumbra com projetos verdadeiros e centrados como este da foto no alto, do Peter White Cycles , frame builder de qualidade. Isto não existe aqui, pelo menos não ainda. Existem pessoas que se ensaiam nestas tarefas, mas aos olhos dos exigentes, isto não passaria.
Não penso em fazer uma bicicleta de extremidade a extremidade, mas penso que considerar um quadro de boa qualidade e partir dele seria muito coerente e passível de sucesso na intenção. O quadro acima já possui bagageiro integrado. O que resolve metade dos problemas para cicloturistas, onde um deles é um bagageiro decente! Como fazer isto... olha, acredito que um mínimo de conhecimento o idealizador deva ter. Respirar bicicleta, estar neste meio, entre outros que conhecem estas práticas, isto seria um caminho a percorrer. Saber como garimpar um bom quadro de Cr-Mo, o que usar para fazer um bagageiro, onde soldar, onde pintar, etc. O sucesso definitivamente faz parte dos insistentes... ninguém nasce sabendo, tem que batalhar mesmo!
O projeto da foto é apenas uma referência em qualidade, não estou citando que este fabricante tem uma história assim... na verdade desconheço esta história. O que conheço, mesmo a distância, é a qualidade com que ele produz seu "artefato". Considero este uma obra rara no mundo, e logicamente inexistente no Brasil. Existem outros... existem, mas usei este de exemplo pelo bagageiro integrado ao quadro.
E de tudo isto, posso concluir aquilo que a mais de ano penso... dá pra ser mais feliz com um quadro de garimpo, montado com peças novas, tudo ao gosto teu, do que comprar pronto um pacote. Aprenda, vale a pena!
Roberto Furtado