sábado, 23 de outubro de 2010

O preço da arte em bicicletas!

A relação da customização e da arte característica em um frame builder é muito próxima. A discrição ou o oposto disto no assunto ciclístico, acaba se tornando parte da preferência do ciclista. A bike acima é bastante sóbria em termos de design e construção, porém é evidente de que se trata de uma peça quase única. Não dá pra afirmar que é única pq este fabricante promete fabricar em linha este modelo, mas é lógico que toda biccileta feita a mão e no tal capricho, jamais será igual a sua irmã produzida no dia seguinte. O mais engraçado disto tudo é que o preço elevado de customizações e de exclusividades é proporcional a qualidade na maioria dos casos. O valor pode ser alto, mas a atenção oferecida ao interessado também é... longe e diferente das produções em massa, sobretudo as atuais, onde o relaxamento tem sido mais que evidente em frames atuais, especialmente os de alumínio de custo popular. Mesmo com a automação, muito tem se deixado passar em qualidade. Se você paga 800 reais em uma bicicleta nacional, sob o ponto de vista de quem esta lhe vendendo, é quase merecedor de todo ônus que poderá vir junto deste novo produto. No exemplo clássico, uma bicicleta que tem rodas cruzadas (olhando-se por trás), nem adianta reclamar... por 800 reais, tens o que tens, e aproveite. Já neste brinquedo acima... reclame, será atendido, e se duvidar, ainda vai ter alguém querendo saber 6 meses depois se você ficou realmente satisfeito. Conclui o bom entendedor que algo que custa bem, tem seus méritos, inclusive de suporte, aos quais são atribuidas qualidades do material paralelamente. Quem vende algo de boa qualidade, importa-se sobre ser bem ou mal falado... e ganha sempre o proprietário. O preço é este, mas você tem atenção especial. E engana-se o mais leigo dos ciclistas que confundir o objeto de desejo da foto, com uma ceci... cara de ceci, acabamento de 1º mundo, coração de leão. A virtude ciclistica... sem dúvidas, ainda não pertece ao Brasil. 
E sobre curiosidades da bike acima, fabricada pela Signal Bicycles, fica o registro de montagens personalizadas com selim brooks, Cr-Mo da melhor "estirpe", paralamas bem presos (sem a clássica bateção), bagageiros fortes e bem desenhados, um conjunto bonito, acabamento comprovado em cordão de solda contínuo, caixa de direção da melhor qualidade, dentre outros caprichos que apenas 0,001% dos ciclistas brasileiros entenderiam.

Roberto Furtado