segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Audax 600 km 20.08.2010 a 22.08.2010

Klaus em sua reclinada de bambu...

Antes de tudo, reforço que detalhei a data da prova de 600 km no título desta postagem. É preciso fazer as pessoas entenderem o que é um 600 km. Este foi o período de duração total da prova, que começou a meia noite de sexta para sábado, e terminou na tarde de domingo. Toda vez que vejo uma prova mais longa, já que ainda não tive o prazer (e talvez a capacidade de participar), reflito nas dificuldades. Uma prova de 600 km é um evento que a gente deve estar muito bem preparado, pq na vivência a descoberta é de que haverão diversas forças contra o ciclista. O ciclista não é ilimitado, mas ele pode muito bem aprender a conhecer-se, e administrar-se de forma sensata. O sucesso em um Audax é exatamente isto... é você lidar com um número limitado de opções, e reverter este em sucesso. Vale para quase tudo nesta vida, só que saber quanto resta de energia dentro do corpo é uma tarefa difícil, já que não possuímos um medidor que nos mostre este consumo de energia.
Na medida em que o ser humano vivencia situações extremas, aprende quanto pode fazer... Esta é a mágica do Audaxioso, faz ele aquilo que sabe que pode!
Sem desmerecer os grandes ciclistas que são estes que completaram o Audax 600 km, gostaria desta vez de parabenizar os voluntários, pq trabalharam durante tantas horas sem grandes chances de descanso. Se não fosse por estes, este episódio Audaxioso jamais teria acontecido. Embora minha participação tenha sido mínima, estive presente e conversando juntamente com os voluntários, descobrindo as curiosidades da prova. Alguns detalhes chamam a atenção, mas nem por isto podemos tornar público palavras, feitos e bobagens que acontecem durante o evento. Em outra oportunidade pretendo falar sobre algumas coisas, como coerência, fraternidade e gentileza em provas.
Mais uma vez parabéns a todos... e rumo a próxima prova, os 1000 km!
Segue o link do Picasa com fotos da estrada no Domingo.

Roberto Furtado