sexta-feira, 7 de maio de 2010

Long tail, xtracycle... sonho de carregar toda tralha

Devido a falta de recursos $$$, estacionei temporariamente alguns projetos... A gente sabe que estas brincadeiras custam caro, e muitas destas que fiz, embora vendesse alguns dos projetos, não cobrem as despesas do investimento. Eu, como curioso e adorador dos veículos das rodas raiadas, prefiro investir e não pensar no retorno, pq se a gente vai fazer algo que gosta, não pode esperar que o valor seja reposto. Algumas coisas não tem preço... todo mundo sabe disto, especialmente bikers. Raul e eu, paramos com algumas idéias relativas a longtail, seu xtracycle "tupiniquim" esta parado no momento, aguardando a remontagem e soldagem. O projeto precisou ser desmontado pq o jaguara que efetuou a soldagem desconhecia fenômenos de soldagem, como a torção devido ao calor empregado no processo. Eis uma das dificuldades de meter a mão e fazer por conta, a mão de obra disponível em algumas etapas, quase nunca atinge a espectativa, mesmo que não fosse muito esperada. Raul precisou desfazer a solda de todo o projeto, e esta repensando na questão de gabaritagem. Tudo bem... em toda estrada existe o abismo, imprevisto... e até ladeira sem freio, mas nunca se esqueça de que para ver algo bom pronto, houve um sacrifício. Hoje, tem muita coisa que nem tento fazer mais... dou jeito e compro pronto, se puder, é claro! O caso xtracycle é um típico, embora tenha Raul conhecimento de sobra para tocar o projeto adiante. COmo expliquei antes, na mão de obra é que se encontra o caos. Enquanto isto, vamos sonhando... ele no xtracycle tabajara, e eu na long tail que não consigo começar. Dúvidas vem, e repenso tudo novamente. Imagine, moro a 2 quadras do Supermercado Zaffari Ipanema, com uma long tail, dispensaria muitas vezes o carro... até melancias poderia levar para casa, como Raul já disse para mim.
Aliás, companheiros como Raul são raros... nem todo mundo tem coragem para arriscar um projeto, conhecimento, e bom gênio para explicar aos amigos, seus projetos incomuns.
E por aí fico... mas deixo a foto da Kona long tail com um alforge, mais uma vez, para relembrar que tem coisas que não existem no Brasil, e que são almejadas por doidos como eu e o Raul.
ps: Raul, desculpa, mas a gente não é normal... definitivamente, não!
Roberto Furtado