quarta-feira, 28 de abril de 2010

Larga na banguela...

Final de semana pela frente, e uma oportunidade breve de pedalar em Gramado. Não me convence muito a cidade, mas vou com minhas meninas correrinas... um prova de esposa e cunhada. Então pensei em voltar de bike, assim fazia um pré aquecimento para o Audax 300 km que se aproxima. Afinal, tenho tantos receios e dúvidas quanto ao meu preparo, que um teste cairia muito bem no momento. Lomba abaixo... um grande trecho é apenas descida, e depois, bom, depois de GT Transeo nada é impossível, até 150 km é tranquilo de devorar. Me assusta sempre é uma jornada superior a isto. Acho estranho quando lembro das provas do ano passado... dois Audax 200 que foram superados a duro sacrifício, e um Audax 300 km muito bem executado. Sim, incrivelmente, no km 285 do Audax 300 comentei com o Gelson que faria mais 100 km sem problemas. Depois destas experiências fiquei pensando que alguma coisa ajudou muito nos 300 km e outras coisas prejudicaram os 200 km. Vejo que era o dia certo, deu tudo certo, talvez uma boa alimentação, treino, confiança... sim, a mente acredita e o corpo de convence. Então este será o penúltimo finde de treino para os 300 km. O confessionário do andarilho, não poderia ter um título melhor. Depois de "gira roda, meu filho!", chega a vez de... "Larga na Banguela!" E assim quem sabe me convenço, ou a mais algum amigo, que insistência e confiança nos dão o prêmio maior, o da superação.
Roberto Furtado