quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Bolsa de guidão, a última contribuição da trek 820!





O último teste com a trek 820 foi a instalação da bolsa de guidão. Cheguei a estudar a instalação de um bagageiro dianteiro, mas a chegada do bagageiro foi posterior a data de entrega da 820. Por este motivo, o teste do bagageiro dianteiro ficará para a GT Corrado...
A bolsa de guidão, medi e descobri o volume bruto principal, ficando em 3,2 litros, aproximadamente, já que o distribuidor não possuia as informações sobre o produto. A bolsa é fixada por meio de duas cintas que utilizam ajuste por meio de velcro, e um estabilizador com elastico. Achei que a fixação foi satisfatória, não apresentou não problema, mesmo com peso das ferramentas, de duas câmaras, camiseta, chaves e um celular. O porta mapas é fixo por meio de velcro, bem fácil de abrir e colocar qualquer folha de papel ou mapa. O uso urbano é a maior indicação, pois é bem fácil de abrir a bolsa de guidão, especialmente o compartimento frontal, destinado a documentos. A cada lado são presentes dois bolsos telados, mas não achei utilidade para eles. Talvez algo leve, pois não imagino colocar algo pesado sem o risco de dano ou perda do material. A bolsa não apresentou influência na manobrabilidade da bicicleta, mas dificultou a fixação do farol. Sugerindo que falta espaço para tudo em um guidão. O espaço total da bolsa é farto, cumpre muito bem o papel com investimento relativamente baixo. O valor praticado no mercado é variado, ficando entre 40-60 reais. Fiz as fotos na bike, e fiz a foto comercial também... já que a foto encontrada na rede não oferecia boa noção do produto, inclusive de dimensões.

Roberto Furtado