sábado, 14 de março de 2009

Década de 90 - KHS bikes


Outra... outra grande marca que se apresentou na década de 90 aqui no Brasil. Logicamente o modelo acima é um modelo atual, pois apresenta freios a disco e aros 29, caractéristicas de uma tendência bastante recente. Felizmente o quadro é de Cr-Mo 4130, bem como o modelo semelhante "Tucson".
Este modelo pertecente a uma grande marca, juntamente com outros de outras marcas de mesmo nível, provam que o material não é ultrapassado. O fato é uma demonstração de que as bikes de Cromoly são perfeitas, excelentes "naves", e é notável que pelo valor agregado, que se trate de algo mais... uma bike com qualidades.
O modelo acima é uma "Solo One" que vem com garfo rígido, contrariando outra tendência... enfrentando de frente os atuais conceitos de que bike precisa de um fork shox (amortecedor) dianteiro. Na verdade, sabendo que o Cr-Mo é tão elástico como realmente é, especialmente em tubos tão delgados e longos, sabe-se que um shox é desnecessário e acrescenta apenas peso e um excesso de conforto que se questiona em esportividade. Pondo minha própria idéia sobre o uso de shox... sugiro apenas para bikes de "aloy", sim, deixemos para as "Aluminum" que podem sofrer precoces fadigas. Não há impedimento de uso de fork shox em bikes de Cr-Mo, mas com a atual neura pra retirar peso, seria um fato que se alia ao quadro de Cr-Mo, o fato de ser elástica e reduzir vibrações transmitidas pela estrutura sobre imperfeições do pavimento.
Abaixo, segue o link da solo one:
Roberto Furtado